Arquivo da categoria: 'Filmes'
16.out
Angelina Jolie irá dublar novo filme de animação

Sumida desde “À Beira Mar”, não será dessa vez que Angelina Jolie voltará a mostrar seu rosto nas telonas. Segundo informações do site The Hollywood Reporter, ela vai dublar e produzir a animação “The One and Only Ivan”, inspirada no livro homônimo de Katherine Applegate.

Com o título nacional “O Grande Ivan”, a história gira ao redor de um gorila que mora numa jaula, dentro de um shopping, e que não lembra de nada antes de chegar lá. Quando passa a cuidar de Ruby, um filhote de elefante, ele decide proteger a pequena de seu dono abusivo.

A diretora de “Como Eu Era Antes de Você”, Thea Sharrock vai comandar a animação, que também será produzida por Allison Shearmur.

Jolie será responsável pela voz de Stella, a elefanta amiga do protagonista. Aliás, a atriz já está acostumada com tal desafio, pois dublou Tigresa na franquia “Kung Fu Panda”.

Ainda cotada para estrelar “A Noiva de Frankenstein”, Angelina Jolie está focada na carreira de diretora com “First They Killed My Father” – já disponível no catálogo da Netflix e eleito o filme representante do Camboja para a disputa do Oscar de Melhor Filme Estrangeiro.

Fonte: Adoro Cinema



07.out
Gadot é cotada para substituir Jolie em A Noiva de Frankenstein

Após filme ser retirado do calendário de lançamentos da Universal Pictures, diretor já sabe quem chamar caso Jolie desista do projeto.

Tudo o que a Universal Pictures adoraria dizer a respeito do Universo Sombrio era um sonoro: “Está vivo, está caminhando, está vivo, está vivo, está vivo, está vivo, ESTÁ VIVO!” Entretanto, por mais que a empreitada de iniciar um universo compartilhado baseado nos clássicos monstros do catálogo do estúdio tenha começado oficialmente com o reboot de “A Múmia”, o filme estrelado por Tom Cruise colecionou críticas negativas que apontavam a falta de graça e de algo que prenda o espectador como um dos principais defeitos da produção.

Recentemente, a Universal retirou de seu calendário de estreias o filme “A Noiva de Frankenstein”, nova versão do filme de mesmo nome lançado em 1935. A atitude da companhia pode ser interpretada como um sinal de alerta para o futuro do Universo Sombrio.

“Após muitas considerações, a Universal Pictures e o diretor Bill Condon decidiram adiar “A Noiva de Frankenstein”. Nenhum de nós quer fazer algo apressado para manter uma data de lançamento, quando sabemos que esse filme especial necessita de tempo. Bill já provou seu talento diversas vezes e estamos ansiosos em continuar a trabalhar juntos”, lê-se no comunicado à imprensa divulgado pelo estúdio. Inicialmente, o longa-metragem iria estrear no dia 14 de fevereiro de 2019.

Agora que o projeto está no modo de espera, paira a dúvida sobre o envolvimento de Javier Bardem (no papel do Monstro de Frankenstein) e Angelina Jolie (no papel da Noiva de Frankenstein) no filme. Segundo informações do site “The Wrap”, a dupla havia acordado a participação no longa-metragem, mas não chegou a assinar um contrato oficial. De acordo com a publicação, a equipe do filme ainda espera para saber se Jolie irá se comprometer com a produção ou passar o papel adiante. Neste caso, Condon já teria um nome em mente para substituí-la: Gal Gadot.

A intérprete da Mulher Maravilha que em breve será vista em ação no aguardado “Liga da Justiça” ajudou o Universo Estendido da DC a finalmente decolar em aprovação da crítica ao viver a heroína nas telonas e quebrar uma série de recordes. Poderia a israelense ajudar Universo Sombrio a engrenar?

O The Wrap ressalta que Gadot ainda não foi procurada pela Universal Pictures para tratar de uma possível atuação no papel-título de A Noiva de Frankenstein. A atriz já trabalhou no estúdio ao interpretar Gisele Yashar em Velozes & Furiosos 4, 5, 6 e 7.

Uma fonte anônima ligada à Universal Pictures afirmou que ficou impressionada com a alteração no calendário de lançamentos do estúdio, mas não surpresa. Segundo a fonte, o estúdio ainda tenta ajustar o tom do longa metragem e deseja conseguir realizar um filme de ação que tenha apelo entre adolescentes, ajude a promover os parques temáticos da Universal em Orlando em não seja um filme de terror. “Basicamente um Velozes & Furiosos misturado com Os Vingadores, mas com super monstros”, brincou.

Fonte: Adoro Cinema | JoBlo |



28.set
Denis Villeneuve pode dirigir filme sobre Cleopatra

Não se sabe se Angelina Jolie ainda será a protagonista do filme.

Deninis Villeneuve negocia com a Sony Pictures para assumir a direção de um projeto de longa data do estúdio, a cinebiografia de Cleópatra. As informações são do site Variety, que afirma que o filme terá a produção de Amy Pascal e Scott Rudin.

O longa-metragem será baseado no livro “Cleópatra: Uma Biografia”, aclamada obra de não ficção que se tornou um dos principais best-sellers da carreira da escritora Stacy Schiff, vencedora do Prêmio Pulitzer.

Há anos a Sony tenta tirar o projeto do papel. James Cameron já esteve cotado para a direção do filme, mas desistiu. Paul Greengrass e Ang Lee idem. David Fincher chegou a negociar com estúdio, mas também não está mais ligado ao filme.

Inicialmente, o longa-metragem foi idealizado para ter Angelina Jolie como protagonista. Em 2014, a atriz chegou a sugerir que poderia encerrar a carreira como atriz e se dedicar apenas ao ativismo humanitário e à direção depois de estrelar o longa sobre a rainha do Egito.

Quando figuras do alto escalão da Sony Pictures tiveram suas conversas de e-mail vazadas para o mundo após o estúdio ser atacado por hackers contrários ao lançamento do controverso “A Entrevista”, foram reveladas aspas ácidas sobre Jolie. Em uma conversa com Pascal, Rudin disse que a atriz é uma “criança mimada minimamente talentosa”. O atrito com ela começou quando Jolie sondou Fincher para a direção do filme sobre Cleópatra, fazendo o cineasta desistir de comandar Steve Jobs (que, no final das contas, acabou nas mãos de Danny Boyle).

A Variety informa que não se sabe se Jolie, firme em seus esforços como cineasta, ainda irá interpretar Cleópatra. Desconsiderando os trabalhos como dubladora na franquia “Kung Fu Panda”, a vencedora do Oscar por “Garota, Interrompida” atuou em apenas dois filmes nos últimos cinco anos: “À Beira Mar”, no qual ela contracena e dirige seu ex-marido Brad Pitt, e “Malévola”, superprodução da Disney sobre a vilã de “A Bela Adormecida”.

Desde que o projeto foi anuciado pela primeira vez, amadureceram as discussões sobre o embranquecimento de personagens não-brancos em Hollywood. É incerto se isso fará a Sony repensar a escalação de uma atriz branca para viver uma mulher africana.

Villeneuve se prepara para lançar a aguardada sequência “Blade Runner 2049”. A carreira do cineasta canadense é marcada por projetos elogiados pela crítica, como “Incêndios” (2010), “Os Suspeitos” (2013), “Sicario: Terra de Ninguém” (2015) e “A Chegada” (2016), sendo este último responsável por sua primeira indicação ao Oscar de Melhor Diretor.

Fonte: Terra



18.set
Camboja escolhe filme de Jolie para concorrer ao Oscar

Vencedora do Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante por “Garota, Interrompida “e do Prêmio Humanitário Jean Hersholt (também representado pela famosa estatueta), Angelina Jolie pode conquistar em 2018 seu primeiro Academy Awards no ofício que passou a privilegiar nos últimos anos: a direção.

“First They Killed My Father”, drama escrito e dirigido por ela para a Netflix, foi escolhido pelo Camboja para representar o país na disputa de Melhor Filme Estrangeiro.

Apenas seis filmes cambojanos no total foram submetidos à Academia, o primeiro em 1994. O único que figurou entre os finalistas foi “A Imagem que Falta”, de Rithy Panh (produtor executivo do longa de Jolie), que perdeu para o austríaco Amor em 2013. Ano passado a submissão foi o suspense Before the Fall, do australiano Ian White, cuja trama se passa no mesmo 1975 dos eventos trágicos retratados por Angelina.

Desde já um dos favoritos ao Oscar, “First They Killed My Father” aborda, do ponto de vista da menina Loung Ung (Sareum Srey Moch), o genocídio da população cambojana executado durante o regime do Khmer Vermelho.

O Brasil vai mandar “Bingo – O Rei das Manhãs” para o Oscar 2018 e a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas recebe inscrições até o dia 2 de outubro.

Os nove semifinalistas serão conhecidos em dezembro e os cinco concorrentes da categoria serão finalmente anunciados dia 23 de janeiro. O Oscar 2018 acontecerá em 4 de março.

Fonte: Adoro Cinema



15.set
Filme dirigido por Angelina Jolie estreia hoje na Netflix

First They Killed My Father“, o mais novo longa dirigido por Angelina Jolie, estreia no catálogo nacional da Netflix hoje, dia 15 de setembro de 2017.

A produção é baseada na autobiografia da ativista cambojana de direitos humanos e amiga de Jolie, Loung Ung.

O reinado de terror e genocídio do Khmer Vermelha no Camboja é apresentado sob a óptica de uma criança de cinco anos que foi arrancada de sua família em 1975.

Confira o trailer:

Fonte: Cine Pop



O Angelina Jolie Brasil é um site feito de fãs para fãs e tem como objetivo principal compartilhar as notícias mais recentes sobre a cineasta norte americana, Angelina Jolie. Nós não temos qualquer contato com a atriz, seus familiares e agentes. Qualquer artigo, vídeo ou imagem postado nesse site possui os direitos autorais dos seus respectivos proprietários originais, assim como todos os nossos conteúdos produzidos, editados, traduzidos e legendados devem ser creditados sempre que reproduzidos em outro site. É proibida a cópia total ou parcial deste site assim como deste layout. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade clicando aqui.