Arquivo da categoria: 'Filmes'
04.dez
“First They Killed My Father” deve ser lançado em 2017

Neste domingo, dia 04 de Dezembro, a data de lançamento do novo filme dirigido por Angelina Jolie foi alterada na página oficial do longa no site IMDB.

Inicialmente, “First They Killed My Father: A Daughter of Cambodia Remembers” estava previsto para ser lançado ainda este ano, pela Netflix.

Entretanto, o ano de lançamento do filme foi alterado para 2017. Além disso, a Netflix atualmente compartilhou todos os lançamentos previstos para o mês de Dezembro e o filme não aparece na lista.

O filme é uma adaptação do livro “First They Killed My Father: A Daughter of Cambodia Remembers”, que conta a história de sobrevivência de Loung Ung durante regime do Khmer Vermelho, no Camboja.

Em 1975, Loung Ung tinha cinco anos de idade quando o Khmer Vermelho assumiu o poder no Camboja, dando início a quatro anos de terror e genocídio que sacrificaram a vida de dois milhões de cambojanos.

Retirada da casa de sua família em Phnom Penh, Ung foi treinada como soldado mirim em um campo para órfãos, enquanto seus seis irmãos foram enviados a campos de trabalhos forçados. Ung sobreviveu e escreveu “First They Killed My Father: A Daughter of Cambodia Remembers”, publicado em 2000.

Dez anos atrás, Angelina leu o livro e entrou em contato com Ung e o contato inicial deu lugar a uma sólida amizade. Juntas, elas transformaram o livro em roteiro. Assim, além de diretora, Angelina é co-roteirista e também produtora do longa. O aclamado diretor e produtor cambojano Rithy Panh, diretor de “A Imagem que Falta”, indicado ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro, também é um dos produtores.

O nome de dois atores também foram adicionados ao elenco oficial do filme: Phoeung Kompheak e Sveng Socheata. Já a trilha sonora será assinada por Marco Beltrami.

Até o momento, “First They Killed My Father” permanece sem uma data de lançamento definida para o ano que vem.



12.nov
Imagens do novo filme dirigido por Jolie caem na rede

Recentemente, foram disponibilizadas na internet as primeiras fotos oficiais do novo filme dirigido por Angelina Jolie, “First They Killed My Father”.

O filme é uma adaptação do livro “First They Killed My Father: A Daughter of Cambodia Remembers”, que conta a história de sobrevivência de Loung Ung durante regime do Khmer Vermelho, no Camboja.

Angelina Jolie é a diretora e produtora do longa original da Netflix, cujo roteiro foi coadaptado em parceria com Ung. O aclamado diretor e produtor cambojano Rithy Panh, diretor de “A Imagem que Falta”, indicado ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro, também é um dos produtores.

Em 1975, Loung Ung tinha cinco anos de idade quando o Khmer Vermelho assumiu o poder no Camboja, dando início a quatro anos de terror e genocídio que sacrificaram a vida de dois milhões de cambojanos. Retirada da casa de sua família em Phnom Penh, Ung foi treinada como soldado mirim em um campo para órfãos, enquanto seus seis irmãos foram enviados a campos de trabalhos forçados.

Ung sobreviveu e escreveu “First They Killed My Father: A Daughter of Cambodia Remembers”, publicado em 2000. Dez anos atrás, Angelina Jolie leu o livro e entrou em contato com Ung, e o contato inicial deu lugar a uma sólida amizade. Juntas, elas transformaram o livro em roteiro. Em um comunicado, Angelina se manifestou dizendo:

Fiquei profundamente comovida com o livro de Loung. O relato ampliou a minha perspectiva de como as crianças enfrentam uma guerra, de como elas são afetadas pelas carga emocional do que viveram. Isso me aproximou do povo do Camboja, a terra natal de um dos meus filhos. É um sonho poder adaptar esse livro para a tela. Fico honrada por trabalhar com Loung e com o cineasta Rithy Panh.

O filho cambojano de Angelina, Maddox, também estará envolvido na produção do filme.

O alcance mundial da Netflix foi um fator determinante para o desejo da atriz e diretora de formar uma parceria com o serviço.

Filmes como esse são difíceis de assistir, mas importantes. A produção deles também é complicada, e a Netflix está tornando o projeto possível. Estou ansiosa para trabalhar com eles e estou animada porque o filme será visto por muitas pessoas.

O filme será lançado em khmer e inglês.

“Temos orgulho de trabalhar com Angelina Jolie para oferecer uma história marcante e de forte conteúdo emocional exclusivamente aos assinantes Netflix do mundo inteiro”, comentou Ted Sarandos, chief content officer da Netflix. “A incrível jornada de Loung Ung é um tributo ao espírito humano e à capacidade de transcender as circunstâncias mais difíceis”.

“Angelina e eu nos conhecemos em 2001 no Camboja, e eu fiquei imediatamente sensibilizada pela generosidade dela”, declarou Loung Ung. “Ao longo dos anos, nós nos tornamos amigas próximas, e a minha admiração por Angelina como mulher, mãe, cineasta e humanitária apenas aumentou. É uma grande honra confiar a história da minha família ao talento de Angelina”.

Nas fotos, que apesar de algumas não se encontrarem em alta resolução, é possível ver a personagem de Ung ainda pequena.

O filme será disponibilizado aos assinantes da líder mundial em TV por Internet no final de 2016 e será inscrito nos principais festivais internacionais de cinema.

Fonte:

Parte do texto foi retirada do site UOL Economia.

Fotos:

01 02 03 04 05

• Filmes > Diretora > 2016 – First They Killed My Father > Imagens Oficiais (11x)



30.set
Angelina Jolie pode protagonizar drama de guerra

De acordo com o site Deadline, Angelina Jolie está em conversas iniciais para protagonizar “Shoot Like a Girl”, filme que adapta o inédito livro de memórias da Major Mary Jennings Hegar.

Shoot Like a Girl

A obra, que tem o subtítulo de “How One Woman’s Dramatic Fight in Afghanistan and on the Home Front”, conta a história de Hegar, que foi da Força Aérea americana e que serviu em três resgates no Afeganistão em um helicóptero que transportava centenas de soldados do campo de batalha.

Em uma dessas missões, o helicóptero foi derrubado e Mary foi baleada pelo Talibã, porém ela lutou para continuar no resgate a que foi enviada e conseguiu realizar com êxito, salvando três americanos que necessitavam de ajuda.

Hegar recebeu várias medalhas por seu feitos, mas processou o Departamento de Defesa por conta de uma política de exclusão que não deixava mulheres no combate direto. Ela ganhou a causa e a política foi considerada inconstitucional.

Frank Baldwin assina o roteiro do longa. A produção ainda não tem um diretor oficializado. O nome só deve ser divulgado após o acerto com Jolie.

Ainda não há data prevista para o começo da produção.

Fontes:

Deadline | Omelete | Observatório do Cinema



04.ago
Jolie não irá estrelar “Assassinato no Expresso do Oriente”

De acordo com site oficial da revista, Variety, a atriz Angelina Jolie Pitt não irá mais estrelar o remake do filme “Assassinato no Expresso do Oriente”.

Em junho deste ano, um rumor havia sido divulgado informando que Jolie estaria em negociações para se juntar ao elenco e interpretar o papel da Sra. Harriet Hubbard. No entanto, segundo o artigo, a atriz nunca assinou um contrato para aparecer no filme.

Publicado em 1934, o livro gira ao redor do detetive Hercule Poirot. Preso no famoso trem Expresso do Oriente, precisa resolver o mistério ao redor da morte de um dos passageiros e identificar o assassino antes que ele ataque novamente.

Ridley Scott e Simon Kinberg estão entre os produtores do longa. O roteiro será escrito por Michael Green, também responsável pelo aguardado filme, “Blade Runner 2”.

“Assassinato no Expresso Oriente” já teve várias adaptações, tanto no cinema, como na TV. A mais famosa foi a versão cinematográfica de 1974, que recebeu 6 indicações ao Oscar e rendeu o prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante para Ingrid Bergman.

No momento, Angelina Jolie assina a direção do filme “First They Killed My Father” – produção original da Netflix que deve ser lançada ainda este ano. Angelina também está confirmada para interpretar o papel da vilã Malévola, em uma continuação do longa.



15.jul
“Kung Fu Panda 3” já se encontra à venda no Brasil

O filme “Kung Fu Panda 3”, que conta com as vozes de Angelina Jolie Pitt, Jack Black, Bryan Cranston, Dustin Hoffman, Jackie Chan, Lucy Liu, Kate Hudson entre outros, lançado no mês de Março deste ano, já se encontra à venda nas lojas brasileiras nas versões em DVD e em Blu-ray.

Outro filme que também já se encontra disponível para compra é “À Beira Mar” – estrelado por Brad Pitt e Angelina Jolie Pitt (e também escrito, dirigido e produzido por ela) – lançado no mês de Dezembro do ano passado. O filme, no entanto, somente pode ser encontrado nas lojas brasileiras na versão em DVD.



O Angelina Jolie Brasil é um site feito de fãs para fãs e tem como objetivo principal compartilhar as notícias mais recentes sobre a cineasta norte americana, Angelina Jolie. Nós não temos qualquer contato com a atriz, seus familiares e agentes. Qualquer artigo, vídeo ou imagem postado nesse site possui os direitos autorais dos seus respectivos proprietários originais, assim como todos os nossos conteúdos produzidos, editados, traduzidos e legendados devem ser creditados sempre que reproduzidos em outro site. É proibida a cópia total ou parcial deste site assim como deste layout. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade clicando aqui.